10 julho 1998

Missão

Associação para a defesa dos filhos dos pais separados


A Associação paisparasempre trabalha no sentido de assegurar às Crianças e aos Pais a regularidade, o significado e a continuidade dos contactos dos filhos com os seus dois pais e com a restante família de ambos.

paisparasempre trabalha no fortalecimento dos laços familiares existentes, mesmo depois da separação e/ou do divórcio dos pais, através da educação, favorecendo a formação e a preservação da família.

paisparasempre não é um grupo exclusivamente de mulheres ou de homens. Muito menos se limita aos pais separados. Pelo contrário, defende aquilo que entende ser o melhor e superior interesse da criança, subscrevendo inteiramente a Magna Carta dos Direitos da Criança proclamada pelas Nações Unidas, bem como a Resolução sobre uma Carta Europeia dos Direitos da Criança do Parlamento Europeu.

Direito dos Filhos

TODAS AS CRIANÇAS E JOVENS TÊM DIREITO
A MANTER CONTACTO DIRETO
E PERMANENTE COM AMBOS OS PROGENITORES,
E ESTES COM OS SEUS FILHOS.


Em defesa das crianças, a pais para sempre

  • defende o exercício conjunto das responsabilidades parentais como a decisão judicial que melhor assegura o interesse das crianças, devendo, por isso, ser sempre aplicada, a menos que o seja de todo inviável.
  • acredita na repartição equilibrada e equitativa das necessidades emocionais, físicas e financeiras da criança.
  • trabalha para transformar o processo típico de divórcio com filhos em um de consenso e mediação.
  • promove a educação parental e programas de apoio para crianças em risco de serem privadas do contacto com os seus dois Pais, e destes com os seus Filhos.

para Sempre

"Pais não são pais por alguns momentos. São para sempre. Os pais precisam ter consciência de que a sua ação deve impregnar a vida dos filhos."
Ana Luísa Vieira de Mattos, professora da Universidade de São Paulo, Brasil.

paisparasempre toma posição ativa nos atos legislativos e participa nos órgãos ou comissões oficiais de decisão, mantendo o Estado e o Legislador informados sobre como considera ser a melhor forma de serem solucionados os problemas relacionados com o seu propósito social.